Mais potente e aerodinamicamente mais evoluída, esta versão mais “espigada” do desportivo italiano estreia amanhã no Salão de Genebra.

A Lamborghini estreará amanhã ao público no Salão de Genebra, na Suíça, a versão mais extrema do Huracán, que recebeu a designação Performante.  Além do incremento de 30 cv de potência e de 40 Nm de binário, que permite que o motor 5.2 V10 naturalmente aspirado passe a reunir 640 cv e 600 Nm debaixo do capot, o novo modelo é 40 kg mais leve, em virtude da utilização de fibra de carbono forjada. Outra mais-valia do modelo cujas primeiras entregas estão previstas para o próximo verão é a utilização de elementos aerodinamicos ativos (Aerodinamica Lamborghini Attiva – ALA), entre outras soluções técnicas, tais como a inclusão de válvulas em titânio, otimização do sistema de admissão e de escape e entrada de ar melhorada. Este modelo beneficia também de uma renovada caixa de dupla embraiagem de sete velocidades, modificações na suspensão (que passa a ser mais rígida), direção e controlo de estabilidade recalibrados, sistema de tração integral, modos de condução e travagem melhorados.

Em resultado disso, o modelo consegue acelerar de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos (0,3 segundos mais rápido que o modelo convencional) e atingir uma velocidade máxima de 325 km/h.

A cereja no topo do bolo: a Lamborghini anuncia que o Huracán Performante bateu o recorde da volta mais volta a Nürburgring,  obtida em 6:52.01 minutos.

 

Assine Já

Edição nº 1460
Já nas bancas

Digital Papel

Top

Os mais recentes